Thomas Edison e a GE


Thomas Edison é reconhecido mundialmente como um gênio inventor. Mas, poucas pessoas sabem do seu brilhantismo como empresário visionário. Ao criar várias empresas para trazer inovação para o mercado, ele estabeleceu o caminho para a GE da atualidade. Conheça mais sobre a inspiração –e o anterior a ela- do homem que deu início a esta história.

Era o ano 1876, os Estados Unidos completavam um século como nação e, para a maioria dos norte-americanos, era tempo de olhar para trás com orgulho. Para outros, como Thomas Edison, foi o momento de olhar para frente com as possibilidades que se apresentavam. As exposições elétricas na Exposição do Centenário, na Filadélfia, marcaram o início de uma nova era produtiva, uma época de aproveitar a nossa imaginação.

Aquele foi também o ano em que Thomas Alva Edison inaugurou um laboratório em Menlo Park, New Jersey, onde ele poderia explorar as possibilidades do dínamo e outros dispositivos elétricos que ele tinha visto na exposição. Fora do laboratório talvez fosse mostrada a maior invenção da época –uma bem-sucedida lâmpada elétrica incandescente. 

Em 1890, Edison criou a Edison General Electric Company, e trouxe vários negócios junto.

Durante esse período, surgiu um concorrente. A empresa Thomson-Houston tornou-se uma empresa de inovação elétrica dominante que nasceu de uma série de fusões lideradas por Charles A. Coffin, um ex-fabricante de calçados de Lynn, Massachusetts. 

Como as duas empresas se expandiram, tornou-se cada vez mais difícil para ambas produzir instalações elétricas completas confiando apenas em suas próprias patentes e tecnologias. Em 1892, as duas empresas se uniram. Eles chamaram essa nova organização General Electric Company. 

Várias das ofertas de negócios iniciais de Edison ainda fazem parte da GE, isto inclui a iluminação, transporte, produtos industriais, de transmissão de energia e equipamentos médicos. Os primeiros ventiladores elétricos da GE foram produzidos nas instalações elétricas em Ft. Wayne, em 1890, enquanto uma linha completa de dispositivos de aquecimento e cozinha foi desenvolvida em 1907. A GE Aircraft Engines, nome da divisão a partir de 1987, na verdade, começou sua história em 1917, quando o governo dos Estados Unidos começou buscar uma empresa para desenvolver o primeiro “propulsor” de motores de avião para a indústria nascente da aviação nos Estados Unidos. Os experimentos de Thomas Edison com filamentos de plástico para lâmpadas, em 1893, levaram ao primeiro Departamento de Plásticos da GE, criado em 1930. 

Os líderes da GE, ao longo dos anos, construíram uma carteira diversificada de negócios líderes, um fluxo de poderosas iniciativas com a participação de a empresa toda, que impulsiona o crescimento e reduz o custo, isto proporciona solidez financeira e controladoria que permite aproveitar as oportunidades através de numerosos ciclos e um conjunto de valores comuns que permite enfrentar qualquer ambiente com confiança. 

O Museu Schenectady mantém um arquivo de informações históricas e fotografias da GE em seu “Hall da História”. Para mais informações, contatar: 

Sala de História da Eletricidade, 
15 Nott Terrace Heights, 
Schenectady, Nova Iorque 12308 
+ 1 518 382 7890